CULINÁRIA PARA TODOS OS GOSTOS

BEM VINDO A CULINÁRIA PARA TODOS OS GOSTOS!

Informação

tingimento de roupas

procedimentos.... e como fazer tintas vegetais

Membros: 14
Última atividade: 10 Nov, 2010

Como tingir roupas/tecidos,customização de camisas,calças,jaquetas

roupas

É muito simples fazer tingimento de tecidos em casa, pois o processo de pintura é bastante simples.

Existem no mercado uma diversa gama de corantes, das marcas e especificações que irão se adequar as suas necessidades.

Todos eles tem quase o mesmo modo de usar, que segue o seguinte processo:

Primeiro Passo:

Lavar o material : O vestuário deve ser bem lavado e depois tem de ser deixado para secar.

Segundo Passo:

O fixador: Existem muitas opções de fixadores, mas alguns são mais fáceis de se usar. Faça da seguinte forma: Adicione oito copos de água em uma panela grande e, em seguida, o fixador. Misture bem. Adicione o seu material e ferver durante uma hora.

Terceiro Passo:

Torça a peça de roupa e prepare seu banho com corante num recipiente. Siga as instruções de uso contida na embalagem do corante referentes a quantidade de água e quantidade de corante a serem utilizados.

Quarto Passo:

Adicione o seu material para ferver e deixe durante uma hora. Verifique a peça a cada dez minutos e pare a fervura assim que a roupa ficar da tonalidade desejada. Uma vez que a cor é conseguida, tire a peça de roupa e deixe-a esfriar.

Quinto Passo:

Coloque a peça de roupa para secar – lembre-se de usar luvas de borracha.

Como tirar mancha das roupas


Dia desses precisava tirar uma mancha de vinho de uma toalha de mesa e fui pesquisar na internet. Achei em um site de uma loja chamada Casa Freitas, uma lista completíssima de como tirar mancha dos mais diversos tipos.( Até mancha de inseto tem gente!) Resolvi colocar aqui para vocês:

Ácidos - Usar uma solução de 1 colher (sopa) de amônia para 3 colheres (sopa) de água, passados com uma esponja sobre a mancha; o bicarbonato de sódio também servirá.

Alcachofra - Estas manchas são tiradas com limão.

Anilina - Dissolver 50 gramas de hidrosulfito de sódio em ½ litro de água quente. Esticar a parte manchada sobre uma vasilha e derramar lentamente a solução quente atravessando o tecido. Imediatamente após, lavar com água e sabão para não estragar o tecido.

Banana - Quando recente, basta esfregar um pouco de querosene.

Bolor - Ferver o tecido manchado em água contendo um pedaço de couro de bacalhau, ou a própria água onde se deu à fervura do bacalhau. (Vide também Mofo, logo adiante.).

Café - Manchas de café podem se tornar permanentes. A melhor dica é logo que o café for derramado em tecidos, lavar imediatamente com água quente ou fervendo; se o local for difícil de ser lavado, esfregue gelo. Pegue um cubo de gelo e esfregue pacientemente por toda a mancha. O café irá desaparecendo aos poucos até sumir completamente, e se possível, colocar antes por baixo da mancha um pedaço de pano para que se absorva melhor o líquido.Também pode ser retirada com a solução de água e bicarbonato de sódio. Nas marcas secas, esfregue um pano úmido com vinagre branco ou álcool.

Café com Leite - Lavar com água e sabão; se não sair, água oxigenada, ou tetracloreto de carbono, ou ainda esfregar ligeiramente com benzina.

Cal - Lavar com água e sabão; as de cor, aplicar um pouco de vinagre ou suco de limão, e lavar com bastante água.

Cera - Tirar primeiramente o grosso com uma lâmina; colocar então o tecido entre dois mata-borrões, passando o ferro quente por cima, mudando de vez em quando de lugar, até que a mancha seja absolvida. Passe, então, um pouco de benzina.

Cerveja - Esticar bem a parte manchada sobre uma vasilha funda, despejar água fervendo em cima, atravessando o tecido. Depois é só esfregar um pouco de glicerina e enxaguar com água morna.

Chá - Usar água morna e bastante sabão, ou mergulhar em água quente com água sanitária.

Chiclete - Os chicletes se retiram facilmente da roupa, esfregando-se pacientemente uma pedra de gelo, do lado do avesso, no mesmo ponto onde estiver o chiclete grudado. Também se poderá usar clara de ovo, deixando secar um pouco antes de lavar.

Chocolate - Com água quente e sabão; insistir. Se não sair, usar o mesmo processo da cerveja ou ainda esfregando o gelo no local. Poder-se-á também empregar água oxigenada.

Cola - Diluir com água fria, deixando mergulhada durante algum tempo; ou água quente.

Doces e Caldas - Água quente.

Esmalte de Unha - Com acetona ou removedor; se o tecido for fino, água oxigenada e depois água e sabão. Mas cuidado, porque se o tecido for sintético, esse produto pode danifica-lo.

Ferro de Passar - Passar sobre o amarelado um chumaço de algodão embebido de água oxigenada; depois água pura.

Ferrugem - Com sal e suco de limão, expondo o tecido ao sol; também: esfregue leite azedo, ou ainda cortar um limão ao meio, colocar a mancha sobre o limão, e passar o ferro quente sobre a mancha. Lavar em seguida.
Essas manchas também podem ser retiradas passando-se sobre elas uma mistura de suco de limão e uma colherinha de suco de bicarbonato.

Flores - Álcool ou amoníaco.

Frutas - Ponha sobre essa mancha um pouco de sal antes que ela seque; depois esticar a parte manchada sobre uma vasilha funda, e derramar água fervendo, acrescentada de uma colher de amônia ou álcool, atravessando o tecido.
Poderá também usar leite azedo, suco de limão fresco, ou vinagre branco forte.
Para as manchas de frutas vermelhas, depois de bem lavadas deixar de molho em espuma de sabão fria, com água sanitária; se a mancha resistir, lave com solução de vinagre branco e álcool em partes iguais.
As manchas de frutas em tecidos de seda saem lavando-se com água morna e bórax.

Gorduras, Óleos, Azeite - Você deve chupar a mancha com papel absorvente. Depois de retirar o excesso de gordura, derrame talco, deixando por várias horas; então escovar e esfregar com um pano limpo embebido em água quente.
Também poderá lavar o tecido manchado com água morna e detergente; ou ainda molhar a parte afetada com amoníaco e logo em seguida lavar em água morna.
Outro processo: esfregar, sem perda de tempo, um pedaço de cebola, colocando um pano pelo lado do avesso, isto é, por baixo da mancha.

Manteiga - No branco, uma escovinha impregnada em benzina; em cores, água morna e sabão.

Graxas - Diluir com substância gordurosa, depois passar benzina.

Graxa em Sapato - Tricloretileno; se a mancha persistir, usar água sanitária com água oxigenada. Os processos usados para cera também darão resultado.

Insetos - Diluir com água fria ou morna, em seguida com amoníaco e água pura.

Iodo - Embeber um pano em álcool ou leite, ou deixe o tecido de molho no leite fervendo, deixando-o repousar até que o leite esfrie; em seguida lavar com água e sabão. Estes processos servem para todos os tecidos.

Lama - Água fria; depois enxaguar rapidamente em água avinagrada. Se a lama for sobre um impermeável, misturar água quente e vinagre em partes iguais e esfregar no lugar manchado.

Legumes - Estas manchas são difíceis de sair, mas se o tecido for branco ou de cor extra-firme, usar água sanitária pura ou água oxigenada, mas apenas tocando rapidamente o local para que a água sanitária não corte o tecido. Lavar imediatamente com água pura, até a mancha sair.

Mofo - Enxaguar com uma colher (sopa) de amoníaco para cada 20 colheres de água.
Quando for mofo avermelhado, mergulha-se o tecido em água com um punhado de fubá, deixando ferver por algum tempo. Depois enxaguar e expor ao sol para quarar um pouco. Em seguida enxaguar novamente e pôr para secar.
Mofo em tecido de tropical ou de lã: expor o tecido ao sol e quando estiver bem quente, escovar com uma escova umedecida em álcool, no direito e no avesso. Em seguida passar com ferro bem quente, protegendo o tecido com outro pano. (Vede também em Bolor, logo a cima.).

Nitrato de Prata - Lavar com água salgada fria, esfregando.

Ovo - Esfregue a marca com espuma de detergente de cozinha, ou água fria e sabão; nuca usar água quente. Também poderá colocar uma pasta de sal (sal com gotas d'água) sobre a mancha.

Plantas Verdes - Passar álcool e lavar com água e sabão.

Queimado - Esfregar um pouco de maisena sobre a área afetada, e deixar ao sol por algumas horas. Depois retirar com uma escova macia.
Poderá também lavar com água e sabão, e em seguida passar água oxigenada, deixando secar ao ar livre. Na falta dos dois produtos, deixar a peça mergulhada em água fria, logo após ter sido queimado, deixando ali por 24 horas.

Sangue - Nunca empregar água quente; deve ser retirada antes de secar. O gelo é ótimo para ser esfregado nessas manchas.
Poderá ser lavada com água fria e sabão; se persistir, misture água fria com sal de cozinha e 5% de amoníaco. Outro processo: empregar água oxigenada de 20 volumes. Enxaguar em seguida.
Se a mancha for antiga e não sair com o gelo usar ácido tartárico ou um pouco de amoníaco na proporção de 1 colher (café) para cada 250 gramas de água.

Suor - Deixar as roupas laváveis de molho numa solução forte de água salgada, ou molhar numa solução de água e gotas de amoníaco no local atingido.
Poderá também usar no lugar afetado uma mistura em partes iguais de álcool e amoníaco. Embeber um pano limpo nessa solução e passar no lugar da mancha de suor; em seguida, limpar com água quente e deixar secar. Antes de passar a ferro o local manchado, proteja-o com um pano para não amarelar.

Tintas de Escrever - Saem com leite frio ou sumo de limão fresco; também poderá ser usado o "Líquido de Oaken". Em seguida lavar com água e sabão.

Tinta Esferográfica - Esfregar com algodão embebido em álcool puro ou álcool canforado. Se estiver fresca tente absolve-la com toalha de papel e passe álcool com um cotonete. Esta mancha sairá facilmente, borrifando-se sobre ela laquê (de cabelo) até a mancha sumir. Deixar secar; se necessário, repetir a operação.
Em tecidos sintéticos, usar um pouco de tricloretileno; mas antes de emprega-lo fazer um teste em algum retalho desse tecido.

Tinta de Parede - Deixar de molho em aguarrás ou terebintina; as tintas frescas também saem com querosene, gasolina ou benzina; as oleosas de cor, diluir primeiro em óleo e depois tratar com benzina; se a mancha persistir, deixar secar e passar ligeiramente ácido acético puro. Para as oleosas pretas, usar leite quente ou sumo de limão, ou ainda ácido cítrico.

Vela - Quando um tecido é respingado por vela, a forma mais prática de removê-la é colocar um papel absorvente sobre a mancha como um guardanapo ou papel-toalha, e passar a ferro. O calor do ferro derreterá a vela e o papel prontamente a absorverá.
Raspar primeiramente com o lado cego da faca para retirar o excesso. Em seguida colocar o local manchado entre dois mata-borrões, passando por cima um ferro quente; se a vela for de cor, depois de removida sua gordura, colocar sobre a parte manchada um algodão embebido em álcool ou benzina; depois, lavar a peça toda.

Verniz - Passar uma camada de removedor de tinta, acrescentar éter sulfúrico, depois álcool; escovar com benzina.

Vinho - Para tirar a mancha de vinho tinto, tente o leite ou passe gelo imediatamente no local, ele irá impedir a absorção do vinho e evitar aquelas manchas desagradáveis. Pode-se também limpar com uma solução de ácido tartárico; a água morna com detergente de cozinha também poderá servir.
Numa emergência, polvilhar na hora com sal ou espremer um pouco de limão; depois de lavar com água e sabão. Pode-se substituir o sal por farinha de mandioca ou polvilho.

Manchas não Especificadas - Misturar: amoníaco, éter, vinagre e aguarrás.
Para os tecidos muitos finos, não recomendamos tentar limpar em casa; é sempre recomendável e garantida a lavagem a seco.

Eles ainda deram essa dicas extras que também achei bastante úteis:

• Ao usar qualquer solução para tirar manchas de roupas ou de tecidos, convém fazer antes, um teste numa pontinha mais escondida da roupa, para ver o resultado; se o tecido desbotar, depois de usado o produto, ou tirada a mancha, é só lavar o ponto atingido com uma mistura de duas partes de água para uma de vinagre.

• Ao limpar a mancha de um tecido, procure estender a parte manchada sobre um mata-borrão ou um outro tecido para que o líquido empregado na limpeza não se espalhe muito.

• Se ficou um círculo em volta da mancha já tratada, convém estender esta parte esticada sobre o vapor de água fervendo; isto é ótimo.

• Após o uso de amoníaco ou de outro ácido para eliminar uma mancha é necessário lavar bem a mancha, logo em seguida à operação.

• Para limpar e desengordurar as golas das roupas, usa-se uma solução de amoníaco, na proporção de 1 colher (sopa) para 1 copo de água.

• E lembre-se, quanto mais cedo se tratar uma mancha mais facilmente ela sairá.

• Todos os tecidos aqui não especificados são de cor branca ou de cores firmes.
Antes de usar qualquer produto de tira-manchas, use primeiramente sobre o local um pouco de sal umedecido; isso facilitará sua remoção.

http://casadefirulas.blogspot.com/2009/09/como-tirar-mancha-das-roupas.html

2640258822 14a0a0062d Como tirar manchas de roupa Parte 4

Manchas de Sol em Tênis

O sol pode provocar um clareamento do tênis em função de atacar o corante usado para dar a cor ao tecido ou até mesmo o próprio tecido. O resultado pode ser um tom amarelo, dependendo de qual cor era anteriormente. Se for isso que aconteceu, não tem o que fazer, só tingindo de novo ou estampando. Se a mancha não for de sol pode ser que ainda dê para recuperar, tente esfregar o tênis com água e sabão. Se o tênis for branco, você pode alvejar com alvejante sem cloro (peróxido de hidrogênio).

Manchas de leite materno em roupa

Jogue um pouco de detergente de cozinha sem cor sobre a mancha, esfregue delicadamente e deixe de molho em água morna e sabão por duas horas. Depois lave normalmente que sai. Outra opção é lavar com alvejante sem cloro e sabão. Se ainda assim não sair, compre um produto chamado Resolv no supermercado, jogue sobre a mancha, aguarde 5 minutos e lave normalmente. Vai sair.

Manchas em sapatos

Meu conhecimento não se estende aos couros e sapatos. Entretanto, achei estas dicas na internet. Não sei se funcionam, nunca testei e não fui eu que fiz, mas se puder ajudá-los.

“COMO TIRAR MANCHAS EM SAPATOS” – autor desconhecido.

Sapatos de camurça I: Esfregue miolo de pão sobre a mancha.
Sapatos de camurça II: Se os sapatos estão brilhantes devido ao uso, coloque-os no vapor de uma panela com água fervente, durante alguns minutos.
Sapatos claros: Para tirar manchas de sapatos claros, esfregue rodelas de batata crua em todo o sapato, para que ele fique com a mesma tonalidade.
Sapatos de couro: Para tirar manchas de gordura em sapatos de couro, aplique sobre as manchas um adesivo para conserto de pneus de bicicleta. Deixe ficar a noite toda e, no dia seguinte, retire e use graxa de sapato para dar acabamento e brilho. Para impermeabilizá-los, utilize clara em neve que forma uma película protetora.
Sapatos molhados: Quando secarem um pouco, esfregue com vaselina, deixe que sequem por completo e lustre-os com uma flanela ou escova de sapatos. Para impermeabilizá-los. Passe cera ou lustra móveis.

Mancha em tecido de seda

Recomenda-se normalmente que seja lavada a seco, pois mesmo o sabão ou a água podem provocar algumas manchas (lembre que a água que recebemos muitas vezes não tem boa qualidade e vem clorada).

Qualquer coisa que se faça a úmido pode encolher ou manchar.

Se alvejar, NÃO USE ALVEJANTE COM CLORO, vai DESTRUIR a seda. Use alvejante sem cloro (peróxido de hidrogênio), como o encontrado em produtos como o Brilhante Utile, o Vanish, ou mesmo em marcas de alguns supermercados (tanto faz, compre o mais barato). É a nossa água oxigenada, mas não compre nas farmácias. Deixe de molho por 20 a 30 minutos em água morna, alvejante e sabão. Lave a mão delicadamente e enxágüe. Não esfregue demais, não torça e não centrifugue. Esprema a peça para retirar o excesso de água, seque na horizontal, se possível no sol, sobre uma toalha.

2797 2 intro Como tirar manchas de roupa Parte 4

Mancha de tinta escura de outras roupas em tecido de algodão com elastano

Os tons escuros são muito intensos e temos que usar uma grande concentração de corantes para alcançá-los. Para tirar o corante que veio de outra peça, será necessário alvejar. O problema é que tem uma grande probabilidade do corante da própria peça ser afetado. Ele pode ficar menos intenso ou até mudar de cor (ficar mais avermelhado, por exemplo). Tente primeiro lavar algumas vezes seguidas para ver se o corante da outra peça sai. Se não sair, alveje com alvejantes sem cloro (Vanish, por exemplo) e boa sorte.

Mancha de Vinho

Esta é uma mancha difícil de tirar. O melhor é lavar na hora com água (se possível morna) e sabão. Alguns restaurantes têm sempre um pouco de talco para jogar nesta hora, mas farinha de mandioca ou polvilho também pode ajudar a absorver o liquido derramado.

Se não fizer algo na hora, esprema suco de limão e lave com água quente. Outra saída é esfregar vinho branco na mancha de vinho tinto e depois lavar com água e sabão. Se for uma roupa branca ainda há a possibilidade de lavar com alvejante sem cloro (jogue sobre a mancha) e depois deixe lavar com água quente, sabão e alvejante por 30 minutos.

Mancha de tinta de etiqueta

Creio que não vai ser muito difícil sair. Normalmente o corante da etiqueta não tem a mesma fixação (solidez) do que o corante cinza da peça. Alveje com alvejante sem cloro (Vanish, Brilhante Utile ou qualquer outra marca com Peróxido de Hidrogênio) a quente, deixe 30 minutos de molho (a quente) e lave normalmente. Tenho que avisar que é possível que a peça fique um pouco mais clara, mas é a única solução.

Manha de Liquid Paper (corretivo) em Jeans

Não é difícil tirar, mas pode dar trabalho. Deixe de molho em balde com água fria e sabão diluído por 30 minutos. Esfregue delicadamente e depois jogue água fervendo sobre a mancha. Lave com água quente e sabão. Deixe por mais 30 minutos de molho em água quente e sabão, lave e enxágüe pelo menos duas vezes. Se não sair, tente esfregar com álcool e lavar em seguida. Faça tudo com delicadeza, não esfregue demais ou pode aparecer uma mancha mais clara no local.

sans20022078 Como tirar manchas de roupa Parte 4

Mancha de Água Sanitária

O hipoclorito de sódio, presente na água sanitária, ataca as fibras deixando a peça amarelada e enfraquecida. Quanto mais você usa pior fica. A sua única alternativa é alvejar com peróxido de hidrogênio (água oxigenada). Você vai encontrar algumas marcas deste alvejante chamado de alvejantes “sem cloro” (como o Brilhante Utile e o Vanish) nos supermercados. Olhe na composição para ver se está correto. Alveje com água quente e depois deixe secar ao sol. Não economize alvejante.

Mancha de Cera Depiladora

Coloque um papel bem absorvente sobre a mancha e uma toalha por cima dele. Passe com ferro bem quente. A mancha deve sair para o papel.

197460 Como tirar manchas de roupa Parte 4

Mancha de Molho de Carne

Se ficar seca vai ser mais difícil tirar. Deixe de molho em balde com água fria, sabão em pó diluído e alvejante sem cloro por duas horas. Depois lave com água fria e meio copo de sal. Não use água quente.

Mancha de “Guarda Roupa” em ternos de microfibra

Se não saiu a seco vai ser bem difícil tirar. A microfibra (que por ser em terno suponho ser de poliéster) é bem resistente a microorganismos, mas pode ter afetado o corante. O problema é que um terno tem entretelas colantes que descolam se você lavar com água, o que limita as nossas alternativas.

Tente passar água quente sobre a mancha, mas não molhe demais a peça. Coloque um pouco de bicarbonato de sódio. Você também pode tentar esfregar com água e um pouco de amoníaco. Utilize uma colher de sopa de amoníaco para cada litro de água. Seque ao sol. Outra opção é tentar aplicar água oxigenada sobre a mancha e deixar secar ao sol. Desculpe, mas a mancha pode piorar, ok!

Por Robson Ferreira
http://www.fashionbubbles.com/tecnologia-textil-e-da-confeccao/como-tirar-manchas-de-roupa-parte-4/

# Você tirará facilmente manchas de gordura de tecidos aplicando, nos locais manchados, uma gema dissolvida em um pouco de água. Para clarear manchas de mercúrio das roupas, utilize o mesmo método.
# Para tirar manchas de banha, manteiga, cera ou graxa de tecidos, coloque a parte manchada entre dois mata-borrões e passe o ferro quente. Depois, limpe com benzina, éter, amoníaco, talco ou água quente com sabão.
# Para tirar manchas de graxa, passe no local manchado óleo de cozinha e deixe por dez minutos. Depois, lave com bastante água morna e sabão.
# Se você manchou a roupa com café, passe rapidamente sobre o local uma pedra de gelo. Depois, enxugue com uma toalha.
# Você retirará com facilidade as manchas de óleo de carro e de piche passando na roupa, depois de lavada, um pouco de querosene. Depois, lave a roupa novamente.
# Para tirar manchas de ferrugem de tecidos, coloque sal sobre o local manchado, pingue algumas gotas de limão, deixe secar ao sol e depois lave.
# Para tirar as manchas que ficam nas meias brancas, por causa do uso, é bom fervê-las com água e algumas fatias de limão. Deixe ferver por alguns minutos. Depois, escorra, esfregue bem o local manchado com sabão e enxágue.
# Para retirar pastilha de tecidos, coloque sobre ela uma folha de papel e passe o ferro bem quente.
# Para remover o amarelado e as manchas de ferrugem das pias de cozinha e peças de banheiro, embeba um chumaço de algodão em água oxigenada e passe suavemente sobre as manchas, até que elas desapareçam.
# Para tirar manchas de tinta de caneta de tecidos, deixe-os de molho no leite cru.
# Para tirar manchas de caneta esferográfica de tecidos, umedeça o local manchado com um pano embebido em vinagre. Depois, enxugue sem esfregar.
# Coloque leite fervente sobre os tecidos manchados por frutas. Assim, as manchas sairão facilmente.
# Para tirar manchas de frutas de tecidos, use uma mistura de água morna, leite azedo, sumo de um limão ou vinagre branco.

http://www.maisreceitas.com/content/view/1207/34/

Fórum de discussão

Este grupo ainda não possui nenhum tópico.

Caixa de Recados

Comentar

Você precisa ser um membro de tingimento de roupas para adicionar comentários!

Comentário de Ƹ̵̡Ӝ̵̄ƷPaiツjosé♐ d'ツOgunƸ̵̡Ӝ̵̄Ʒ em 24 julho 2010 às 3:34
Como tingir tecidos em casa
Roupa velha com cara de nova em alguns minutos.

Como tingir tecidos em casa

Sabe aquela calça que veste super bem e você não usa porque a cor saiu de moda? Ela pode ficar nova em folha, com uma cor incrível, por menos de R$ 5,00. Acredite!

Você mesmo pode tingir suas roupas em casa, basta uma boa tinta de tecidos e um caldeirão com água fervendo.

Se sua peça for muito querida ou delicada procure um tintureiro profissional.

Que tecidos são mais fáceis de tingir:

Antes de tingir a roupa é importante avaliar, o tecido que a peça é feita. Identifique a fibra que compõe o tecido, pois o resultado do tingimento depende do tipo de fibra da roupa.

Tecidos de algodão e de fibras 100% naturais são os melhores tecidos para tingimento em casa.

Tecidos sintéticos tingem mal

Tecidos mistos podem ou não dar certo.

O importante é pensar que tingir nunca é garantia de que a peça vai ficar maravilhosa, mas é uma tentativa.

Lembre-se que se não der certo, existem tintureiros profissionais. Você não os procurou no primeiro momento para gastar pouco, mas se for necessário....

Escolhendo a cor do tingimento

1. Tecidos brancos e crus têm maior probabilidade de ficar na cor desejada.

2. Tecidos estampados não sofrem alterações no motivo, apenas na cor.

3. Tecidos coloridos devem ser tingidos com cores mais escuras do que a original.

• Quando tingir um tecido colorido, a cor final será a soma da combinação da cor base da roupa com a cor do corante escolhido. Ex.: tecido amarelo tingido de azul ficará verde.

4. Tingir de preto: O tingimento mais fácil e com a maior probabilidade de dar certo é com a cor preta.

Você escolheu a cor para tingir o tecido mas se quiser que ela fique mais clara adicione menos corante em vez de diminuir o tempo do banho de tingimento. Este tempo deve ser sempre de 30 minutos.

Veja o que se deve fazer antes do tingimento

Antes do tingimento, é preciso lavar bem o tecido para tirar todo resíduo de amaciante e gordura.

Retire botões, fivelas e outros acessórios antes do tingimento.

Material utilizado para tingir tecidos em casa:

• corante na cor de sua preferência

• Bastão ou vareta para mexer

• Sal de cozinha ou fixador de corante

• 1 panela ou caldeirão com capacidade para 2,5 litros (para preparo da tinta)

• 1 panela ou caldeirão ou um tacho com capacidade superior a 6 litros (para tingir)

Atenção: O tacho ou o caldeirão ou a panela devem ser usados exclusivamente para este fim, pois além da roupa o corante também vai tingir a vasilha utilizada.

Passos do tingimento:

1º. Passo: pré-tingimento

• O tecido a ser tingido foi avaliado e você achou que ele vai se dar bem com a tintura.

• A cor já foi escolhida

• O resultado final, você já sabe qual será tendo em conta a cor base do tecido e a cor escolhida do corante.

• Com o corante comprado, leia as instruções do fabricante.

• Pese a roupa a ser tinta enquanto estiver seca.

Quantidade de corante e de água:

• Use 20 ml de água por grama de tecido seco

• Pese o tecido ou a roupa a ser tingida, pois a quantidade de corante é proporcional ao peso do material a ser tingido.

• Um tubo de 45 gramas de corante tingem 300g de tecido seco.

2º. Passo: Preparando o corante

• Ferva 1 a 2 litros de água na panela destinada a tingimentos. (lembre-se que ela vai ficar manchada)

• Dissolva muito bem o tubo de corante de tingimento nesta água fervente. Mexa muito bem com uma vareta ou bastão

• Ferva a quantidade necessária de água, para cobrir a peça que será tingida. Por volta de 6 litros. Use o tacho grande destinado a tingimentos.

• Dissolva o corante dissolvido na água fervente, na água deste tacho e misture muito bem.

3º. Passo: Tingindo o tecido ou a roupa em casa

• Lave bem a roupa ou tecido a ser tinto

• Enxagüe bem e deixe o tecido úmido

• Mergulhe-o no banho de tingimento deixando a peça submersa tendo água com folga.

Deixe ferver por 40 minutos sempre mexendo com o bastão, pois tecido parado é tecido manchado! (a fervura é importante para melhorar o resultado).

4º. Passo: Fixador de Tingimento

• Coloque um fixador de cor na água do tacho durante o tingimento. O próprio fabricante do corante tem este fixador para vender, mas eles podem ser substituídos por vinagre branco ou sal de cozinha.

• Cores escuras como (preto, marinho, marrom, verde escuro) adicione 1 colher de (sopa) de sal de cozinha (25g) para cada 300g de tecido seco.

• Escorra a agua com corante do tacho de tingimento.

• Enxágüe em água corrente até que a água do enxágüe apresente-se límpida.

• O ultimo enxágüe deve ser em água com sal

• Seque à sombra
Saiba como conservar a cor de sua roupa: Lavando Segundo a cor.


Fonte consultada: Corantes Tupy

Por Bebel Ferreira
Comentário de Ƹ̵̡Ӝ̵̄ƷPaiツjosé♐ d'ツOgunƸ̵̡Ӝ̵̄Ʒ em 10 julho 2010 às 3:57
Dicas para um tingimento de qualidade

1 – Antes do tingimento, lave bem o tecido com sabão para tirar goma, amaciante e gordura (não use amaciante).

2 – Antes de submeter um tecido a qualquer processo que seja, convém identificar o tipo de fibra que o compõe, lendo a etiqueta que está fixada na roupa ou fazendo o teste de identificação de fibra.

3 – Aconselhamos a remoção de acessórios como: botões, fivelas, etc. antes do tingimento.

4 – O corante, no banho de tingimento, deve estar bem dissolvido para receber o tecido ainda úmido.

5 – O aquecimento até a fervura nos tingimentos é importante para obter melhores resultados.

6 – Depois de colocar o tecido no banho de tingimento, deve-se mexer sempre com um bastão, pois se o tecido ficar parado ele manchará.

7 – Para se obter tons próximos aos apresentados, o tingimento deve ser feito sobre tecido cru ou branco.

8 – Pese o tecido para calcular a quantidade de corante necessária para obter a cor desejada.

9 – Tecido colorido deve ser tingido com uma cor mais escura que a cor original ou da mesma cor.

10 – Quando tingir um tecido já colorido, a cor final será a soma da combinação das cores (ex.: tecido amarelo tingido de azul, o resultado será verde).

11 – Para trocar de cor (partindo de uma cor escura para uma cor clara no mesmo tom) ou descolorir um tingimento imperfeito, use o DESCOLORANTE TUPY.

12 – Tecidos estampados não sofrem alteração no motivo, mas há alteração de cor, obtendo efeitos interessantes.

13 – Nas cores escuras (preto, marinho, marrom, verde escuro) use 1 colher (sopa) de sal de cozinha (25g) para cada 300g de tecido seco. Isso ajuda na fixação do corante.

14 – Para obter um melhor resultado, ao tingir tecidos que mesclem fibras de poliamida, acetato, lã natural ou seda natural com fibras de algodão, linho, rami, sisal ou rayon-viscose, utilize o CORANTE TUPYCET juntamente com o CORANTE TUPY num único banho.

15 – Tecidos com mesclas de poliéster ou acrílico com fibras celulósicas (algodão, rayon-viscose, linho, juta, rami, etc) ou fibras protéicas (lã natural e seda natural) ou poliamida ou acetato, sofrem variação na cor, pois o poliéster e o acrílico não absorvem o corante.

16 – O TUPYFIX também pode ser utilizado em tecidos (fibras celulósicas) coloridos que soltem corante nas lavagens.

17 – O TUPYFIX não deve ser utilizado junto a outros processos (tingimento ou descoloração).
 

Membros (14)

 
 
 

© 2014   Criado por LIGIA MARIA DE AZEVEDO E SOUZA.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço